JEIS 2019

JEI'S 2019

Escolas da rede municipal de ensino vencem competições de Jiu-Jitsu

Ao todos foram 28 medalhas conquistas: 13 de ouro, 9 de prata e 1 de bronze

Publicado em: 14/06/2019 por Dema de Oliveira

Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude

Escolas da rede municipal de ensino vencem competições de Jiu-Jitsu

Cerca de 59 alunos/atletas foram inscritos para as disputas do Jiu-Jitsu (Foto: Patrícia Araújo)

Com total hegemonia das escolas da rede municipal de ensino, foram finalizadas na última quarta-feira, 12, as competições de Jiu-Jitsu, que foram realizadas no ginásio do Complexo Esportivo Barjonas Lobão, adaptado com colocação do tatame para receber os alunos/atletas, professores, árbitros e demais pessoas envolvidas no evento.

As escolas do ensino municipal conquistaram ao todo 28 medalhas, sendo 13 de ouro, 9 de prata e 1 de bronze, com destaque para as escolas Domingos de Moraes, do Recanto Universitário e Raimundo Aguiar, do bairro Boca da Mata, que conquistaram boas colocações. Vale ressaltar que o maior número de medalhas conquistadas por essas duas escolas, foram por intermédio dos alunos do projeto ‘Jiu-Jitsu nas Escolas’, um dos projetos sociais mantidos pela prefeitura Municipal de Imperatriz, que tem a coordenação da Secretaria Esportes Lazer e Juventude, Sedel.

Cerca de 59 alunos/atletas foram inscritos para as disputas do Jiu-Jitsu, sendo 15 feminino e 44 masculino, 80% de alunos do Jiu-Jitsu nas Escolas’.

JIU-JITSU

O Jiu-Jitsu é uma arte marcial baseada no uso do corpo como alavanca e no aproveitamento da força do adversário. Ele tem raízes na China e Índia, mas foi desenvolvido no Japão. O Jiu-Jitsu diminui o estresse e melhora a coordenação motora. Arte marcial também trabalha o corpo de forma completa e ajuda na perda de peso.

Esta arte marcial chegou no Brasil em 1914, trazida pela japonês Mitsuyo Maeda, também conhecido como Conde Koma. Ele ensicou jiu-jitsu a Carlos Gracie. Com o tempo a família Gracie, foi adaptando esta arte marcial e a transformou no ‘Brazilian Jiu-Jitsu’, que é atualmente a modalidade do jiu-jitsu mais praticada no mundo.

Durante um tempo o jiu-jitsu teve seu nome relacionado a brigas de rua. Porém, isto nada tem a ver com o que esta arte marcial prega. Jiu-Jitsu é um esporte de defesa e raciocínio e que permite que pessoas mais fracas e menores possam praticar a autodefesa. Além disso, ele ajuda a reduzir o estresse e manter a calma, verdadeiros praticantes do jiu-jitsu não se envolvem em brigas de rua e outros atos violentos do tipo.

JEIS 2019

Apaixone-se por Imperatriz