Pelo fim da violência contra as mulheres

CONSCIENTIZAÇÃO

II Conferência Livre Das Meninas é realizada em Imperatriz

Objetivo do evento é debater sobre protagonismo juvenil, saúde sexual e violência nas relações afetivas

Publicado em: 08/10/2019 por Islene Lima

Secretaria de Políticas para Mulher

II Conferência Livre Das Meninas é realizada em Imperatriz

A conferência busca ouvir as meninas e discutir seus direitos como protagonistas de suas histórias (Foto: Edmara Silva)

Na manhã desta terça-feira, 08, foi realizado o primeiro encontro da II Conferência Livre Das Meninas, na Escola Municipal Tiradentes (Parque do Buriti). A ação é uma iniciativa da Prefeitura de Imperatriz por meio da Secretaria Municipal de Políticas Para Mulher, SMPM.

Com tema “Dialogando Com Elas” o objetivo do evento é debater com meninas de 14 a 18 anos sobre o protagonismo juvenil, saúde sexual/ reprodutiva e violência nas relações afetivas, para que futuramente elas não passem por nenhum caso de desconforto, ou situação de risco devido à falta de informação.

Para Elisangela Balbino, do Setor de Saúde e Prevenção nas Escolas, SPE, da Secretaria de Educação, palestras como essas são de extrema importância para auxiliar e prevenir essas meninas que, por diversas vezes, crescem sem saber os seus direitos na sociedade.  

"Estamos trabalhando com adolescentes do 6ª ao 9ª ano com temas dos direitos sexuais e reprodutivos. Aqui fizemos uma leitura do material intercalando com estudos de casos, ou seja, de forma bem descontraída, debatemos assuntos de muita relevância para a construção dessas meninas que mais a frente serão adultas, conscientizado de forma lúdica sobre assuntos que por diversas vezes são vistos como tabu”, explica.

A secretária de Políticas para a Mulher, Edna Ventura, destacou que a conferência faz parte do cronograma de ações que a secretaria vem realizando durante todo o ano. “Com técnicas e dinâmicas estamos conversando com essas alunas de forma descontraída, porém enfatizando a importância de debater esses temas de forma coerente e clara. Estamos auxiliando essas garotas a serem protagonistas de suas histórias”, afirma.

Para Maria Eduarda, do 7ª ano, a conferência está sendo de muita descoberta. “Eu nunca tinha participado de algo assim, eu e minhas amigas estamos empolgadas para aprender sobre o nosso papel na sociedade, e eu quero repassar tudo isso para as pessoas da minha casa também”.

A conferência segue até o dia 10 de outubro. Nesta quarta-feira, 09, o encontro será na Escola Paulo Freire, no Parque Amazonas. “Essas discussões não vão ficar fechadas só na Conferência, a ideia é que essas políticas sejam expandidas”, explica Edna Ventura.

Pelo fim da violência contra as mulheres

Apaixone-se por Imperatriz