Saúde

AUDIÊNCIA

Gastos com a Saúde de Imperatriz representam mais de 35% da receita municipal

Os dados foram apresentados na Câmara de Vereadores, nesta quinta-feira (02/12), durante prestação de conta do 2° quadrimestre de 2021

Publicado em: 02/12/2021 por Paula de Társsia

Secretaria de Saúde

Gastos com a Saúde de Imperatriz representam mais de 35% da receita municipal

A Secretaria de Saúde apresentou ações futuras. Dentre elas, o encoleiramento canino no combate à  leishmaniose visceral,  o Centro de Reabilitação e  a Oficina Ortopédica  do Município. (Foto: Paula de Társsia)

Prefeitura de Imperatriz, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, realizou a prestação de contas do 2º quadrimestre de 2021, na manhã desta quinta-feira (02/12), em audiência pública realizada na Câmara Municipal, referentes ao período de maio a junho.  A secretária adjunta da pasta, Doralina Marques, apresentou aos vereadores as receitas e despesas,  além de responder aos questionamentos relacionados ao tema.

Na apresentação, a adjunta destacou que a Prefeitura de Imperatriz investe mais de 35% da receita municipal em Saúde, sendo o previsto por lei 15%, no mínimo. Explicou, ainda, ao plenário mudanças no repasse da Atenção Primária por parte do Governo Federal.

"Ela é a porta de entrada do Sus, necessária no controle de surtos  e  no acompanhamento da população. Atualmente, o financiamento é a partir das metas alcançadas. Ou seja, a gente executa as ações e os recursos vem. Por exemplo, de ações de promoção e prevenção em saúde fizemos mais de 190 mil procedimentos no período apresentado. Isso inclui, dentre outros, testes rápidos, curativos, medicação endovenosa", enfatizou.

O relatório aponta, também, que mais de 200 mil procedimentos de média e alta complexidade foram regulados pelo Município, no período de maio a agosto deste ano. Somente os atendimentos especializados, clínicos e cirúrgicos, somam mais de 360 mil procedimentos.

Já o Tratamento Fora do Domicílio ( TFD), soma R$500 mil em investimento, considerando passagens (áreas e terrestres) e ajuda de custa para pacientes e acompanhantes. 

Doralina Marques enfatizou ainda que a Secretaria de Saúde fez uma revisão no cadastro de Cartão Sus da cidade, pois estava havendo duplicidade e/ou de pessoas que não são de Imperatriz, mas tinham  o cartão do Município. "Criamos ferramentas para realmente colocar a população correta da cidade", explicou.

Novas Ações

A Secretaria Municipal de Saúde apresentou durante a prestação de contas ações futuras do Município. Dentre elas, o encoleiramento canino no combate à  leishmaniose visceral,  o Centro de Reabilitação e  a Oficina Ortopédica  do Município. O primeiro tem previsão de início para fevereiro de 2022, sendo Imperatriz um dos 133 municípios brasileiros selecionados para desenvolvimento do projeto.

Questionamentos

Após a apresentação, foi aberto espaço para as colocações dos vereadores. O parlamentar Flamarion Amaral (PCdoB) pontuou a respeito do combate à Covid-19, em Imperatriz. Durante a fala, ele comentou o crescimento no número de infectados, pelo vírus, internados e que a maioria é composta por pessoas que não tomaram a vacina.

Sobre isso, Doralina Marques reforçou o número de vacinados na cidade e a importância dos munícipes concluírem o ciclo de imunização. A Semus disponibiliza 11 pontos de vacinação e quatro deles com horário estendido até às oito horas da noite.

Alex Silva (PL) pediu para a secretária adjunta comentar se haviam recursos extras para alguns procedimentos. Em resposta, ela explicou que "fazemos procedimentos que não recebemos. Por exemplo, a alta complexidade somos credenciados somente para neuro, mas fazemos, com recursos próprios, alta complexidade na ortopedia. Temos uma Unidade Coronariana no Socorrão, porém não recebemos por esse atendimento.  A cardiovascular somos credenciados só para média, entretanto, também, fazemos alta", finalizou.

Os vereadores Rogério Avelino (DEM)  e Renê Sousa (PTB) reconheceram  que a saúde é um desafio a nível nacional e há o que melhorar, mas parabenizaram a administração municipal pelos serviços, na pessoa do secretário Alcemir Costa.

Saúde