Imperatriz

Toque-se, câncer tem cura!

De acordo com o Instituto Nacional de Câncer, Inca, o câncer de mama é uma doença causada pela multiplicação de células anormais da mama, que formam um tumor. Há vários tipos de câncer de mama. Alguns tipos têm desenvolvimento rápido enquanto outros são mais lentos.

Segundo tipo de câncer mais freqüente no mundo, o câncer de mama é o mais comum entre as mulheres e responde por cerca de 25% dos casos novos da doença a cada ano. Especificamente no Brasil, esse percentual é um pouco mais elevado e chega a 28,1%, o que corresponde a cerca de 60 mil diagnósticos positivos da doença com risco estimado de 56,20 casos a cada 100 mil mulheres.

Nosso nordeste está entre as regiões com maior incidência da doença e os índices de mortes ainda são alarmantes. Nas regiões mais pobres taxa de mortalidade é até 11 vezes maior em comparação com áreas ricas; diagnóstico tardio e dificuldade de acesso ao tratamento são as principais causas.

Esse tipo de câncer tem cura e pode ser tratado na rede pública de saúde através dos programas de oncologia do Sistema Único de Saúde (SUS). Fazer o autoexame, realizar consultas regulares pelo menos uma vez ao ano, e a mamografia ainda são a melhor forma de prevenção. Quando identificado em fases mais precoces, as chances de cura chegam a 95% dos casos.

Mulheres a partir dos 40 anos de idade têm direito ao atendimento preventivo e ao tratamento. Se você se enquadra nesse perfil, procure a unidade de saúde do seu bairro ou a Unidade Móvel Oncológica e solicite atendimento.

Apaixone-se por Imperatriz