Educação

DECISÃO

Aprovado cardápio da merenda escolar de 2019

Seis propostas foram apresentadas ao Conselho de Alimentação

Publicado em: 26/10/2018 por Sara Ribeiro

Conselho de Alimentacao Escolar

Aprovado cardápio da merenda escolar de 2019

As seis propostas do cardápio foram aceitas com unanimidade na reunião (Foto: Divulgação)

Departamento de Nutrição da Secretaria Municipal de Educação, Semed, em reunião realizada na quinta-feira, 25, apresentou cardápio da alimentação escolar de 2019, para apreciação do órgão fiscalizador, o Conselho de Alimentação Escolar, CAE. Foram seis propostas para guarnições dos Programas Nacional de Alimentação do Ensino Fundamental, da Pré-escola, Creches, Educação de Jovens e Adultos, EJA, Educação de Especiais e Mais Educação.

De acordo com a coordenadora do Departamento de Nutrição, Suelem Queiroz, desde o início do semestre passado os levantamentos de aceitabilidade da merenda escolar são realizados. “No decorrer do ano realizamos o teste de aceitabilidade de algumas preparações para definirmos o cardápio a ser utilizado. Para 2019, trocamos um ou dois itens e fizemos a substituição de alguns alimentos da creche, por falta de aceitabilidade” – informou.

Para a conclusão do cardápio foram realizadas análises nutricionais, para averiguação de nutrientes que não podem faltar na alimentação dos alunos, como carboidrato, proteína, vitaminas e lipídios.

O cardápio base precisa contemplar três refeições salgadas e duas doces durante a semana. “Precisamos dividir os alimentos, para não ficar enjoativo e o custeio ficar dentro do orçamento. Além de refeição salgadas como arroz, carne e complementos, serve-se os lanches doces, que entra os biscoitos com suco, canjica e frutas” – explicou a nutricionista.

O secretário municipal de Educação, Josenildo Ferreira, explicou que todo o trabalho que a nutrição desenvolve precisa ser aprovado pelo CAE. “O Conselho é o órgão fiscalizador do nosso trabalho, com participação da sociedade civil e poder público. Os planejamentos, desde o teste de aceitabilidade, quais escolas serão testadas, até o cardápio, passam por reunião com o conselho de alimentação” – observou.

Após análise das guarnições e informações nutricionais dos cardápios, a reunião foi encerrada, sendo aprovado por unanimidade por todos.

Educação

Apaixone-se por Imperatriz