Saúde

Saúde

Prefeitura inaugura CAPS/IJ nos Três Poderes

Nova casa representa melhor atendimento à população

Publicado em: 10/08/2017 por William Castro

Secretaria de Saúde

Prefeitura inaugura CAPS/IJ nos Três Poderes

Pacientes do centro agora contam com um espaço amplo e mais adequado para o tratamento. (Foto: Divulgação)

Foram entregues, na manhã de hoje, (10), as novas instalações do Centro de Atenção Piscossocial Infanto Juvenil (CAPS/IJ), na Rua Guanabara, n°2223, no Bairro Três Poderes. A casa possui uma estrutura melhor e mais ampla para o atendimento aos pacientes, com piscina para hidroterapia, área externa arborizada, com sombra e salas amplas. A solenidade contou com a presença do prefeito Assis Ramos, do vice Alex Nunes Rocha, e do secretário de Saúde, Alair Firmiano.

O CAPS IJ funcionava no Bairro Juçara, porém com uma estrutura precária, com ambientes escuros e espaços apertados. Segundo Assis Ramos, é importante colocar a saúde mental como prioridade. “Diante da situação, determinamos que fosse providenciado um novo local, com instalações adequadas para oferecer um serviço com as modalidades terapêuticas necessárias para o tratamento” – afirmou o prefeito.

De acordo com o secretário de Saúde, o endereço anterior não atendia de forma satisfatória à população. “Nossa preocupação é acolher cada vez melhor os usuários, e quem conheceu as antigas instalações vai aprovar as mudanças. Aqui as acomodações permitem uma assistência mais qualificada, com desenvolvimento das terapias indicadas para cada situação” – ressaltou Alair.

Os servidores destacaram a satisfação com o novo Centro. “Represento a equipe, usuários país e familiares, e posso dizer em nome de todos que estamos muito felizes. Já vínhamos buscando essa estrutura há muito tempo, um ambiente amplo e arejado, com espaço para realização de terapias de relaxamento e expressão corporal ao ar livre, além da realização de atividades lúdicas” – destaca a servidora Maria Aparecida.

No CAPS IJ são atendidas crianças com transtornos mentais, neuroses e psicoses, da faixa de 0 a 18 anos. Elas recebem acolhimento multiprofissional de psicólogos, psicopedagogos e psiquiatras. A instituição atende as famílias, com suporte terapêutico, diariamente, que pode ser intensivo ou semi-intensivo. Atualmente cerca de 230 pacientes são assistidos pelo Centro.

Saúde

Apaixone-se por Imperatriz